Portugal substitui educação especial pela inclusiva, para todos os estudantes

Enquanto alguns países andam para trás, Portugal avança na direção da inclusão de estudantes com deficiência e qualquer tipo de dificuldade no sistema educacional.

Após ampla discussão com todos os interessados, a antiga Lei de Educação Especial foi substituída pelo Decreto-Lei n.º 54/2018 – Educação inclusiva – que estabelece os princípios e as normas que “garantem a inclusão, enquanto processo que visa responder à diversidade das necessidades e potencialidades de todos e de cada um dos alunos, através do aumento da participação nos processos de aprendizagem e na vida da comunidade educativa”.

Mas o Ministério da Educação português não se preocupou apenas com a legislação. Pensando no dia a dia dos professores, gestores e todo público afetado pelas mudanças, publicou o completo “Manual de Apoio à Prática – Educação Inclusiva”, que compartilhamos abaixo, junto com outros documentos norteadores da política, partindo da premissa de que “se deve ensinar tudo, a todos,’como se todos fossem um só’”.

Esperamos que o exemplo português sirva de inspiração para muitos países.

Manual de Apoio à Prática – Educação Inclusiva (MEC, Portugal, 2018)
http://www.dge.mec.pt/publicacoes-da-dseeas
Conheça abaixo a íntegra do Decreto:
Versão em texto: https://dre.pt/home/-/dre/115652961/details/maximized
Versão em PDF:

Fonte: Inclusive – Inclusão e Cidadania – http://www.inclusive.org.br/arquivos/31122